Crédito habitação malparado após divórcio

credito-habitacao-malparado

O crédito habitação malparado após divórcio é uma situação cada vez mais recorrente nos dias de hoje. Após uma separação, é comum a situação habitacional do casal ficar por resolver, uma vez que, por vezes, a casa ficará em nome de um, e o empréstimo em nome de outro, originando assim uma situação em que, aquele que não está a usufruir da casa, nem sequer a tem a seu nome, se veja obrigado a pagar as prestações da mesma, o que, geralmente, acaba por levar a situações de incumprimento bancário.

Prevenir uma situação de crédito malparado após divórcio

Numa situação em que não fique bem definido qual das partes deverá ficar com o crédito, as probabilidades de se vir a verificar situações de incumprimento aumentam substancialmente. Como tal, é importante que sejam tomadas todas as medidas necessárias para que, aquele que ficar com a casa, fique também, ao mesmo tempo, responsável pela dívida da mesma.

Esclareça bem a situação com o seu parceiro

Por incrível que pareça, muitos casais, simplesmente divorciam-se sem discutir detalhadamente todas as questões relacionadas com as suas dívidas. Tente chegar a um acordo com a outra parte, para que fique tudo resolvido o mais rapidamente possível, e ninguém tenha de sair prejudicado.

Contrate um advogado

Caso chegue à conclusão de que é mesmo necessário, a contratação de um advogado poderá ajudar a prevenir uma situação de crédito habitação malparado após divorcio. Por vezes poderá haver uma má intenção da outra parte, daí ser importante ter acesso a um bom aconselhamento legal.

Informe o banco da situação

Não deverá nunca deixar de informar o banco o mais rapidamente possível. Caso a casa não esteja em seu nome e já não usufrua dela, deverá fazer um pedido ao banco para que o crédito seja transferido para a parte que ficou com a casa. Dependendo da situação, este processo poderá revelar-se mais ou menos complicado, mas é sempre importante continuar a tentar até que a situação esteja totalmente retificada.

Siga todos estes passos, de forma a certificar-se de que a sua separação não dará origem a um crédito malparado após divórcio. Tente tratar de tudo o mais rapidamente possível, pois só assim conseguirá evitar problemas mais sérios, que em muito poderão contribuir para manchar imenso a sua imagem junto das instituições bancárias, situação que poderá prejudicá-lo imenso a curto, médio e longo prazo.

Informação: Os dados apresentados neste texto têm como base informações obtidas até à data de publicação. A informação contida neste texto não dispensa a consulta do prospecto.

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com o uso de cookies. + info

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close