Como escolher um seguro de saúde

seguro-saude

Nos dias que correm, a oferta de seguros de saúde é extremamente elevada, por isso é importante saber fazer a escolha adequada às suas necessidades. São muitas as empresas, financeiras ou não, que oferecem serviços de seguro de saúde, porém nem todos se adequam às necessidades gerais de cada um, existindo alguns parâmetros que devem ser analisados ao pormenor para que tudo seja satisfeito.

Possuir um seguro de saúde é garantir um acesso aos serviços nacionais de saúde, públicos e privados, em qualquer circunstância e em todos os momentos que seja necessário. Para isso, é imprescindível uma comparação entre todas as ofertas, escolhendo assim o melhor seguro de saúde de acordo com as suas necessidades diárias e futuras.

Fatores na escolha seguro de saúde

Existem outros parâmetros igualmente importantes, no entanto estes são aqueles mais relevantes para conseguir fazer uma escolha acertada no que diz respeito à qualidade do seguro de saúde para si e para a sua família.

Modalidade – a modalidade do seguro em si é um dos fatores mais importantes. Existem três opções: reembolso, de assistência e misto. No caso dos seguros de reembolso o cliente pode escolher o médico que vai recorrer, fazendo o pagamento total dos seus honorários e posteriormente o seguro reembolsa esse valor ao cliente. No caso dos seguros de assistência, o cliente apenas poderá consultar os médicos que tenham um acordo com a entidade seguradora, mas o valor a pagar é provavelmente menos de metade. A terceira opção, como o próprio nome indica, permite que o cliente tenha as duas opções disponíveis, podendo optar por um médico da rede em si, ou por um médico externo. Porém, neste último caso é importante ter em atenção aos valores que o seu seguro reembolsa.

Cobertura – este fator refere-se essencialmente à cobertura do seguro em função das doenças em si, já que existem alguns mais limitados e que apenas cobrem um determinado tipo de doenças. É importante analisar muito bem esta situação, já que nenhum seguro vai cobrir doenças que existam antes da subscrição do próprio.

Limites e Exclusões – este é o valor que vai definir qual é o limite que cada seguro tem para cada rubrica, isto é, poderá definir qual será o valor total que o seu seguro vai cobrir durante um determinado tratamento. No que diz respeito às exclusões, é importante saber quais são os tratamentos que o seguro não cobre.

Período de Carência – este fator é um dos mais importantes, pois é com ele que as seguradoras se regem para cobrir o pagamento dos tratamentos dos seus clientes. Isto é, existe um período de carência em que os clientes não podem usufruir do seguro em si. Assim, tenha em atenção quais os valores a pagar para caso este período ainda não esteja ultrapassado.

Preço – este é o fator mais importante nos dias de hoje, já que é este o valor que vai definir quanto terá que pagar pelo seu seguro. Existem planos para todo o tipo de bolsos, podendo ser pagos mensalmente, semestralmente ou anualmente para ajudar assim os interessados a organizar o seu orçamento.

Informação: Os dados apresentados neste texto têm como base informações obtidas até à data de publicação. A informação contida neste texto não dispensa a consulta do prospecto.

Ao continuar a utilizar o site, você concorda com o uso de cookies. + info

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close